quarta-feira, 27 de maio de 2015

CORREÇÃO DO TESTE, 7ºANO

teste de maio 2015
GRUPO I
TEXTO A
1.1 Este extrato é…
b) um texto narrativo
1.2 “…acompanhando com atenção o desenrolar dos acontecimentos.” Esta passagem refere-se:
c) ao rombo no tanque do navio Prestige.
1.3 O navio Prestige é…
b) um petroleiro.
1.4 O navio Prestige tem muita experiência de navegação pois já navega há…
b) 25 anos
1.5 A frase “O cenário era tragicamente espantoso.” significa que:
b) As pessoas observavam um acontecimento trágico.
2    Assinala as frases seguintes com Verdadeiro (V) ou Falso (F):
a) O texto inclui didascálias. F
b) O texto não tem diálogos. V
c) A maré negra deu-se a 250 quilómetros da costa e não se expandiu. F
d) A maré negra destruiu, apenas, a fauna marinha. F
e) Por causa da tragédia, os turistas não puderam voltar à praia. F
f) A maré negra provocou uma onda de solidariedade. V
TEXTO A
1. O texto lido é um texto dramático pois está dividido em cenas e atos, tem didascálias e apartes e a história é contada ao leitor através das falas das personagens (em discurso direto) sendo que o nome das personagens antecede as suas falas.
2. O reino da Helíria é um reino muito rico devido às suas propriedades naturais. O Norte é rico em pomares, vinhas, searas, pastagens e peixe dos lagos e mares. O Sul é rico porque tem muitas minas de ferro, cobre, estanho, a água das nascentes é milagrosa.
3. A fala que prova que o rei não é materialista é a seguinte: “… este vosso velho pai quer apenas uma cama para dormir no vosso palácio e um lugar para comer à vossa mesa.”
4.1O Rei ficou muito atormentado depois do sonho pois tinha de decidir a qual das três filhas iria entregar o reino da Helíria para governar em seu lugar.
4.2 Para tomar essa decisão, o Rei decidiu perguntar às três filhas de que forma gostavam dele e a que desse a melhor resposta herdaria o reino.
4.3 Violeta ficou prejudicada com a decisão do Rei pois ele interpretou mal a sua resposta e, muito zangado, expulsou-a do reino sem levar nada com ela, apenas a roupa que trazia no corpo.
5. O Rei, neste momento da ação, está furioso porque pensa que Violeta é uma filha ingrata e não tem amor por ele.
6. O príncipe Reginaldo aproxima-se da ideia que fazemos do Príncipe Encantado porque, tal como nos contos de fadas, aparece na altura certa para salvar a princesa. Neste caso, salvou-a da miséria a que o pai a condenou, propondo-se levá-la com ele e casar com ela.
7. O Rei não conhecia bem as filhas Amarílis e Hortênsia pois pensa que elas são uma filhas maravilhosas, dedicadas, que têm muito amor por ele e chama-as “minhas flores deste jardim” mas desconhece que elas são umas falsas, ingratas, que não querem cuidar dele na velhice.
8. Didascália que dê indicação de:
·   movimento corporal do ator: “(virando-se para trás)” / “(Príncipe Reginaldo sai do lugar onde estava e coloca-se diante do rei)”
·   tom de voz: “(aos gritos)”
·   expressão facial: “(olham-se ambas muito sérias)”
GRUPO II
1. O rei ordenou a Violeta que morresse à fome ou à sede, que se esvaísse em sangue nos tojos e nos cardos do caminho, que se perdesse nas florestas ou montanhas pois nada daquilo lhe interessava e que, a partir daquele momento, tinha apenas as duas filhas Amarílis e Hortênsia.
2.1 Identifica a sua intenção comunicativa do rei é dar uma ordem.
2.2 O rei usou o modo imperativo.
2.3 calar, desaparecer, ir (fazer, cumprir)
3.1 Futuro do Indicativo
3.2 Ontem, vós, Amarílis, governastes o Norte.
4.1 Não vos quero ver, filha  ingrata, logo desaparecei da minha vista.
4.2 Não vos quero ver, filha  ingrata, logo desaparecei da minha vista porque me sinto traído.
4.3 nome comum; adjetivo qualificativo; vocativo