quinta-feira, 26 de abril de 2018

"NATAL" -TEXTO DE OPINIÃO

Na minha opinião, este conto é do meu agrado, pois inclui expressões e uma linguagem típica de Trás-os-Montes e as personagens trazem ao leitor o genuíno habitante da montanha, habituado às dificuldades do frio cortante das montanhas e que passa pela vida ligado às tradições, às crenças, ao trabalho e à religião. 
Claramente, são factos que me fascinam imenso, dado que me relembram a minha terra natal e de toda a minha família que vive nesta região do país, donde o autor também é oriundo.
O tema deste conto revela a vida dura de um pedinte e as dificuldades que ele teve de atravessar para conseguir apenas um simples pedaço de broa. Demonstra, assim, a sobrevivência de um idoso com 75 anos de idade, sem família e pouco alimento para saciar a sua fome. Mas que, apesar de tudo, consegue viver momentos de felicidade e de amor, transformando todo o cenário à sua volta num ambiente muito íntimo, falando com as estátuas da igreja como se de pessoas reais se tratassem.
Considero que o desfecho foi das melhores partes do conto, visto que após ter vivido inúmeras dificuldades no seu caminho, como por exemplo a neve, conseguiu chegar à capela, acender uma mísera fogueira e comer o pouco que tinha. Teve, assim, a sua tão desejada consoada regada com muito bom humor, apesar das vicissitudes da sua triste vida.

Tomás Pereira, 8ºB
ano letivo 2017/2018